Postado por Adriana Gomes em 15 de dezembro de 2010 | Mercado de Trabalho

Foi chamado para avaliar o chefe? Saiba como dar este feedback!

Esse é um tema espinhento: Dar feedback ao chefe. Porém, a medida que as empresas e os gestores compreendem que essa é uma ferramenta de mão dupla e que é uma fonte para autoconhecimento e autodesenvolvimento.

Dar feedback ao superior passa a ser fundamental. Pode ser uma quebra de paradigma em muitas organizações. Mas quem não percebeu que o mundo mudo, que não é um senho sabe tudo, que tem que estar aberto ao novo e que ele pode aprender com seus colaboradores. Aliás, aprender sempre!!

Boa Leitura!

Adriana

 Em algumas empresas, além dos profissionais serem avaliados periodicamente, eles também avaliam o chefe. Mas, antes da dar o feedback sobre o líder, é necessário ter alguns cuidados.

O sócio-diretor e fundador da Muttare, Tatsumi Roberto Ebina, explica que, antes de falar abertamente sobre o gestor, é necessário analisar os valores da empresa. “Se for uma empresa que emprega a transparência, o que a pessoa falar será considerado importante”, diz.

Já se a empresa ou o chefe não compartilham destes valores e não enxergam o feedback como algo importante para a carreira, o mais indicado é que o profissional não fale nada que possa comprometê-lo.

O que dizer

Ao dar o feedback ao líder, Ebina aconselha que o profissional descreva uma determinada situação e como o chefe se comportou. “Esta situação deve ser apresentada com frequência pelo chefe. Não vale dizer sobre um comportamento de único dia. Além disso, o profissional deve falar sobre como isso refletiu sobre ele. Nunca falar pelo grupo ou sobre a reação dos colegas”, diz.

a coordenadora de Carreiras e professora do Núcleo de Gestão de Pessoas da ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), Adriana Gomes, alerta que a pessoa nunca faça um julgamento de valor sobre o chefe.

Ela acrescenta que o feedback deve ser uma análise do comportamento observado. “O feedback é uma percepção do outro. Ele não é uma verdade absoluta”, diz.

Sugestão

Sobre dar sugestão para o chefe melhorar, os especialistas concordam que é indicado quando a relação entre chefe e funcionário for aberta e positiva.

De acordo com Adriana, para dar o feedback, não é preciso agendar uma data específica. “O feedback deve ser dado sempre que for necessário. Deve ser feito no dia a dia. O mais importante é se preparar para isso. Vale destacar que é uma execelente ferramenta de gestão”, finaliza Adriana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *