Postado por Adriana Gomes em 30 de maio de 2019 | Artigos / Tendências

Pesquisa aponta impacto da saída de baby boomers do mercado de trabalho

Saída de baby boomers da força de trabalho preocupa 9 em cada 10 líderes brasileiros

Para combater o impacto nas habilidades disponíveis, empresas apostam em formar equipes de diferentes gerações, aponta pesquisa da Robert Half

São Paulo, maio de 2019 – A possibilidade de que os profissionais baby boomers, nascidos entre 1945 e 1960, deixem a força de trabalho preocupa os líderes empresariais brasileiros. O impacto no conjunto de habilidades disponíveis na empresa com a saída dos colaboradores dessa geração preocupa 9 em cada 10 executivos, sendo que 34% deles se dizem “muito preocupados” e outros 56% estão “um pouco preocupados”. Os dados fazem parte de pesquisa realizada pela Robert Half, com 508 executivos, no Brasil.

As principais medidas apontadas pelos líderes para garantir que o conhecimento da geração baby boomer não se perca, mesmo com a aposentadoria dos profissionais, são: Desenvolvimento de equipes de diferentes gerações (resposta de 59% dos entrevistados); Organização de sessões de treinamento com todos os colaboradores (53%); Criação de programas de mentoria e coaching (52%); Implementação de plataforma online em que todos podem compartilhar suas experiências (40%); Mapear o sucesso de projetos anteriores por meio de um sistema especial (38%). No Blog da Robert Half é possível encontrar artigos e orientações sobre as diferentes gerações no mercado de trabalho:

  • Geração Z: características, desafios e necessidades
  • Como lidar com o conflito de gerações no ambiente de trabalho?
  • Como contratar a Geração Z

Sobre a Robert Half
A Robert Half é a primeira e maior empresa de recrutamento especializado no mundo, selecionando profissionais para oportunidades permanentes e projetos. Fundada em 1948 nos Estados Unidos, a empresa opera no Brasil desde 2007, oferecendo profissionais especializados nas áreas de finanças, contabilidade, mercado financeiro, seguros, engenharia, tecnologia, jurídico, recursos humanos, marketing e vendas e cargos de alta gestão. Ao todo são mais de 300 escritórios na América do Norte, Europa, Ásia, América do Sul e Oceania. Em 2019, a Robert Half foi novamente eleita uma das “Empresas Mais Admiradas do Mundo”, de acordo com pesquisa da Revista Fortune. Há 21 anos, a empresa está presente em um dos mais importantes rankings do mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *